19 de Julho de 2012

Opinião do livro "Casamento de Conveniência" de Madeline Hunter

Título original: “By Arrangement"
Título em português: "Casamento de conveniência"
Escritora: Madeline Hunter
1.ª Edição: Março de 2010,
Publicado em Portugal: ASA
Fotografia da capa: James Porto
Tradução de Ana Nereu
Número de páginas: 352
ISBN: 9789892307169

Ele viu-a e pagou uma fortuna para ficar com ela. Pelo menos, era o que todos pensavam. Mas este casamento não é o que parece…

Sinopse
Lady Christiana Fitzwaryn está apaixonada. Infelizmente, o seu futuro marido não é o homem dos seus sonhos mas sim um perfeito desconhecido, com quem o próprio rei Eduardo negociou o enlace. Sobre este homem, Christiana apenas sabe tratar-se de um mero mercador plebeu. Não estava, pois, preparada para o primeiro encontro: David de Abyndon revela ter um carisma extraordinário e nutre uma indiferença desconcertante em relação ao estatuto social dela. Para sua grande surpresa, é a aristocrata quem se sente perturbada na presença daquele homem de enigmáticos olhos azuis.

Minha opinião:

Este foi o terceiro livro que li desta escritora, Madeline Hunter. Os primeiros foram “Jogos de Sedução” e “Regras de Sedução”. Gostei imenso de todos eles e desengane-se quem pensa que são romances de algibeira. São livros que retratam uma época (século XVI até ao XVII), em que as classes sociais estavam muito bem delineadas e tudo aquilo que envolve-se um relacionamento amoroso ou uma simples amizade era visto os olhos de todos os cidadãos, com olhos de pecado de intriga e mal dizer. No meu ponto de vista, os dois primeiros livros que li colocaram a minha expectativa em muito alta, não quero com isto dizer que não gostei do livro antes pelo contrário adorei mesmo mas se tivesse menos 100 páginas, não se perdia nada, antes pelo contrário. Mas esta é a minha opinião e vale o que vale.
A história deste livro tal como dos outros dois anteriores, inicia num casamento, polémico e que envolve quase sempre uma grande quantia de dinheiro e outros favores à mistura. Neste caso temos a Lady Christina Fitzwaryn que está apaixonada por Stephen. Contudo e estando ela sobre a tutela do Rei Eduardo, este negociou com o casamento de Christina. O choque foi muito grande e não só pelo facto de ela casar, mas porque não iria casar com homem da nobreza mas sim com David de Abyndon, um mercador plebeu a quem o Rei estava em divida e com este casamento só tinha a lucrar financeiramente.
Christina quando soube decidiu abrir o seu coração ao seu futuro esposo, David, numa tentativa de que ele desistisse do casamento. Contudo, David mesmo sabendo que o amor de Christina não lhe pertencia ele vai até fim, não a larga, mostra-lhe o que é realmente amar alguém e partilha com ela inconfidências e por fim casa com ela. Christina apaixona-se por ele aos poucos, tendo respeito e amor por David e confia plenamente. A ingenuidade de Christina era tal que pelo facto de ter trocado uns amaços com Steven, já não era virgem, mas David com todo o afecto e amor mostrou-lhe o que era realmente amar alguém.
David como comerciante e amigo do Rei Eduardo tinha de se ausentar durante longos períodos de tempo, o único pedido que David fazia à sua esposa era que esta não aproxima-se Stephen, pedido que foi de imediato aceite, porque agora Christina sabia quem amava.
No entanto, Christina foi atraída para uma cilada elaborada por Stephen e Lady Catherine, que com a desculpa de um almoço para 15 pessoas arranjou forma de Christine fica-se sozinha com o homem que David mais detestava. O que acontece neste encontro? Será que David é realmente um mero mercador? Quais os segredos que ainda estão por revelar?
Uma leitura leve mesmo própria para um anoitecer e uma leitura para ler pela noite dentro.
Classificação:Gostei Muito - 4 em 6.
Boas leituras!

6 comentários:

  1. Parece-me uma ótima leitura!
    de todos os que já leste qual o que gostaste mais?

    ResponderEliminar
  2. Olá Carol
    O livro pelo qual aconselho a leitura desta escritora é "Jogos de Sedução" e só depois "Regras de sedução" estes livros têm as mesmas personagens daí a ordem da leitura.
    Adorei e aconselho vivamente;)
    Boas leituras!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
  3. obrigado pelas tuas respostas. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Carol
      Não tens nada que agradecer, estamos aqui uns para os outros neste mundo global dos livros.
      Beijos.
      Boas leituras!

      Eliminar
  4. Esta escritora já me chama à atenção à tanto tempo e nunca li nada dela, acho que esta na altura de mudar isso :)

    Já estou a seguir!

    Beijinhos e Boas Leituras

    ResponderEliminar