quinta-feira, 2 de março de 2017

Opinião I "O Filho do Homem que Trincou o Gato" do escritor Rui Fialho


"O Filho do Homem que trincou o Gato"
Rui Fialho

Sinopse:
"Depois do sucesso de O Homem que Trincou o Gato, agora é a vez de O Filho do Homem que Trincou o Gato – o Pacozinho.
Relatadas em parte pela sua mãe, em parte por ele próprio, o leitor encontra aqui as aventuras da fantástica e alegre vida de Pacozinho.

Desde tenra idade, Pacozinho mostra-se precoce em relação ao sexo e os problemas que traz para casa deixam a mãe e o padrasto à beira de um ataque de nervos. Tal como o seu pai havia feito (quem sai aos seus não degenera), Pacozinho resolve percorrer mundo.

Vive histórias mirabolantes e cruza-se com centenas de mulheres boas, experimenta dezenas de empregos, passa por mil tropelias e (já sabem!)… mulheres boas! Não se esqueça…! A vida são dois dias. Pelo menos, passe um deles a rir com O Filho do Homem que Trincou o Gato."
Minha opinião:
Após a hilariante leitura do livro "O Homem que trincou o Gato" que eu adorei, pois ri-me imenso, peguei neste livro que estava na minha estante para ver se seria tão bom como o anterior. Confesso que Rui Fialho não me desiludiu, adorei a leitura e fartei-me de rir. Este não era de todo o meu género literário favorito mas começo a gostar pois faz com que eu, como leitora, me descomprima das leituras mais pesada, apesar de não ter feito muitas este ano.
Adorei o livro e tendo em conta o género vou atribuir uma classificação dentro deste tipo de leitura.
Classificação de 5***** no Goodreads.
Boas leituras.

Sem comentários:

Enviar um comentário