segunda-feira, 11 de junho de 2018

Marcador dos livros _Lançamento


Mas um livro da Editora Marcador a não perder.
Lançamento do 1º livro português de Coaching para o Desenvolvimento Feminino.

Excelentes leituras!

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Opinião-"A Coroa" da escritora Kiera Cass

A Coroa
Kiera Cass
Edição: Marcador
1.º edição: novembro de 2017
N.º de páginas: 272 páginas

Sinopse:
Este é o volume final da saga «A Seleção», que apaixonou milhares de leitores por todo o mundo! Em A Herdeira, o universo de A Seleção entrou numa nova era. Vinte anos se passaram desde que America Singer e o príncipe Maxon se apaixonaram, e a filha do casal é a primeira a passar pela sua própria seleção. Eadlyn não acreditava que encontraria um companheiro entre os trinta e cinco pretendentes do concurso, muito menos o amor verdadeiro. Mas às vezes o coração tem uma maneira estranha de surpreender-nos... E agora Eadlyn precisa fazer uma escolha muito mais difícil - e importante - do que esperava.

Opinião:
Gostei muito desta leitura, tal como dos outros volumes da saga. As personalidades de cada elemento da seleção estão muito bem estruturadas e são cativantes tal como a da princesa Eadlyn.
Confesso que não fui surpreendida com o final da Seleção, isto é a escolha feita pela princesa. Contudo, ao longo da leitura deste livro muitos acontecimentos me surpreenderam. 

Classificação de 4**** estrelas no Goodreads

Boas leituras!

quarta-feira, 11 de abril de 2018

Opinião - "Wonderstruck O Museu Das Maravilhas" do escritor Brian Selznick


Wonderstruck O Museu Das Maravilhas
Brian Selznick
Editor: Edições Asa
Edição ou Reimpressão: março de 2018
N.º de páginas: 640 páginas


"O importante não é como olhas, mas sim o que vês."

Sinopse:
Desde sempre que o jovem Ben anseia por um pai que nunca conheceu. Agora, após a morte da mãe, sente-se mais perdido do que nunca. Quando descobre inesperadamente uma pista no quarto dela decide que é tempo de partir do Minnesota e conseguir as respostas que tanto quer…Em Hoboken, New Jersey, a pequena Rose acompanha, entusiasmada, a carreira de uma misteriosa atriz, reunindo recortes no seu estimado álbum. Trata-se de um escape, uma forma de se sentir menos sozinha no mundo. Vai ser um cabeçalho de jornal a incentivá-la a arriscar tudo e partir rumo a Nova Iorque…Duas crianças que se lançam às cegas numa aventura, sem saber que os seus caminhos se irão, inevitavelmente, cruzar, apesar de se encontrarem em planos e épocas diferentes: é que a história de Ben passa-se em 1977, e é narrada por palavras; a de Rose passa-se cinquenta anos antes, e é contada através de imagens.Os percursos destas duas crianças vão-se entrelaçando de forma magistral até, finalmente, se unirem num só…Com Wonderstruck: O Museu das Maravilhas, o visionário Selznick volta a enveredar por território inexplorado, levando os leitores a embarcar numa comovente e arrebatadora viagem.

Opinião:

Este é o segundo livro que li deste escritor e ilustrador, o primeiro foi "A invenção de Hugo Cabret", que adorei, tanto o livro como o filme. O livro "Wonderstruck O Museu Das Maravilhas"  já foi adaptado ao cinema mas ainda não foi lançado. Tal como no primeiro livro neste livro vemos o valor das emoções no período da infância, temos Ben que vai em busca do seu pai após a morte da sua mãe. Temos uma história de muito amor, carinho e amizade.
Adorei as ilustrações, que relatam uma história de uma menina. O passado e o presente vão-se cruzar ao longo destas 640 páginas.
Um livro maravilhosamente belo.
Classificação de 5***** no Goodereads.

Boas leituras!

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Opinião "Os contos dos irmãos Grimm" do ilustrador Tiago Azevedo

Opinião:
Este livro de contos dos irmãos Grimm foi-me enviado pela Chiado Editora para eu ler e dar a minha singela opinião.
Nele constam os seguintes contos dos irmãos Grimm:
  • Cinderella
  • O Rei Sapo
  • A bela adormecida
  • A senhora Holle
  • Os seis cisnes
  • A Filha Maria
  • A noiva da lebre
  • Branca de neve
  • Rapunzel
  • Capuchinho vermelho
Confesso a minha ignorância mas não fazia ideia que estas histórias de encantar tivessem sido escritas pelos irmãos Grimm, honestamente também nunca me questionei quem as tinha escrito.

  • Cinderella
Este foi o primeiro conto que li e fiquei deveras muito admirada, pois é bem diferente do conto que eu conhecia pelo filme. Talvez menos encantado e mais "assustador". Mas gostei desta versão mais "realista".
As ilustrações do Tiago são muito belas e sinistras, gostei.

  • O Rei Sapo
Esta história já é mais parecida com o filme que vi e com o conto que conhecia. Contudo, surpreende-me a forma mais cruel das histórias, não sendo tão cor de rosa como eu tenho em mente.
  • A Bela Adormecida
A história de "A Bela Adormecida" já é mais parecida com o filme, tirando o facto de a jovem princesa ser deixada sozinha  no dia do seu décimo quinto aniversário.

  • A Senhora Holle
Esta é uma história que eu não conhecia. No final da leitura deste conto fiquei  com uma pequena sensação de ser parecido com o conto  "Cinderella", um pouco pelo facto de existirem as duas irmãs a feia e a bonita, que não eram propriamente irmãs. A bonita é sacrificada e a feia não, mas no final a justiça é feita. A personagem que mais gostei foi a Holle.


  • Os Seis Cisnes
Desconhecia esta história mas tal como as anteriores gostei muito. A moral destes contos continua a estar presente o que quando lidos por crianças, certamente, as ajudará a distinguir o bem do mal.

  • A Filha Maria
Também desconhecia este conto dos irmãos Grimm. Este conto tem um caracter religioso, que tal como os anteriores nos faz distinguir o bem do mal, talvez o mais adequado neste conto é saber que a mentira só nos faz mal e que por mais  dolorosa que seja a verdade deve ser sempre dita.
" Disse-lhe amistosamente: Quem se arrepende do seu pecado e assume a responsabilidade, o mesmo é-lhe perdoado.".


  • A Noiva da Lebre
Mais um conto desconhecido, muito curtinho e simples.

  • Branca de Neve
Esta história encantada já conheço e bem. Recordo com saudade as vezes que vi esta história adaptada ao cinema. Apesar de no conto não ter sido o principe a dar um beijo à Branca de Neve...

  • Rapunzel
Este conto é em tudo muito diferente do filme, contudo, gostei muito desta versão mais obscura do a do filme.

  • Capuchinho Vermelho
Este é o último conto deste belo livro, Capuchinho Vermelho está aqui neste conto em tudo igual ao que eu conhecia da história e do filme.

Para além de ter gostado de ler estes contos dos irmãos Grimm, gostei muito da ilustração de Tiago Azevedo.
Agradeço à Chiado Editora ter-me enviado este livro, que me proporcionou um bom momento leitura.
Classificação de 4**** no Goodreads.
Excelentes leituras!

quarta-feira, 4 de abril de 2018

Opinião - "Enfeitiçado" da escritora Nora Roberts

Enfeitiçado
Nora Roberts
Revista Flash + SDE (2014)
N.º de páginas: 89 páginas

Sinopse:
Calin Farrell é um fotógrafo de sucesso que decide viajar à Irlanda.

Fascinado pelas ruínas de um outrora grande castelo, cruza-se com uma bela mulher de nome Bryna que conhece em Calin o homem dos seus sonhos. Mas Calin desconhece que ambos fazem parte de um feitiço de mil anos lançado pelo feiticeiro Alasdair. Para que possam ver-se livres da sua negra sombra, Calin terá que oferecer o seu coração à Bryna de livre vontade…

Opinião:
Calin um fotógrafo rico e famoso, que sofre desde menino com sonhos e visões quando  todos o acusam de ter uma imaginação fértil,  decide passar umas férias na Irlanda e é aí que conhece Bryna, a rapariga com que sonha desde criança.

Bryna sabe que Calin é o seu amor, mas será que Calin aceita isso ou vai fugir de Bryna?
Gostei muito desta leitura, espero ansiosamente ler os restantes desta sequela de Nora Roberts.

Classificação de 4**** no Goodreads.

Boas leituras!

terça-feira, 3 de abril de 2018

Divulgação Chiado Editora - "Os Contos dos Irmãos Grimm" do escritor Tiago Azevedo

Os Contos dos Irmãos Grimm

Autor: Tiago Azevedo

Data de publicação: Novembro de 2017

Número de páginas: 106

ISBN: 978-989-52-1193-7

Colecção: Mundo Fantástico

Género: Literatura Fantástica

Idioma: Pt


Sinopse:
Neste livro serão imersos no mundo mágico de dez obras primas dos Irmãos Grimm ilustradas pela minha interpretação dessa magia.
Gostaria que iniciassem este livro como quem começa uma odisseia, com a mente aberta para uma fabulosa aventura que vos levará a lugares inexplorados e revelará antigos ensinamentos sobre a vida e nuances da nossa maravilhosa existência.

Tiago Azevedo _ o autor_
Tiago Azevedo nasceu a 9 de Abril de 1985 em Angra do Heroísmo, Portugal. É um pintor e arquitecto que reside actualmente na Alemanha. A pintura sempre foi a sua inspiração e isto fez com que seguisse os seus sonhos e a tornasse numa carreira. Participou em inúmeras exposições por todo o mundo incluindo Paris, Nova Yorque e Roma onde adquiriu o respeito do público e críticos de arte internacionais. A sua inspiração é derivada da religião e fantasia incluindo os contos dos Irmãos Grimm. O Barroco é também uma influencia pelo seu forte contraste e dramatismo. A pintura clássica a óleo fascina-o, o que é claro no seu estilo que combina os conceitos contemporâneos do Surrealismo Pop com as técnicas clássicas dos grandes mestres do mundo da arte.

Não posso deixar de agradecer à Chiado Editora pelo envio desta obra com ilustrações lindas de dez contos dos irmãos Grimm. 
Chiado editora uma editora cada vez mais perto do leitor.

Excelentes leituras!

sexta-feira, 23 de março de 2018

Opinião - "O Demónio e a Senhorita Prym" do escritor Paulo Coelho

O Demónio e a Senhorita Prym
de Paulo Coelho 
ISBN: 972 711 405 9
7.ª reimpressão 2003 N.º de páginas: 213 páginas
Editora: Pergaminho

Sinopse:
Uma cidade dividida pela cobiça, pela cobardia e pelo medo.
Uma cidade decadente parada no tempo nas montanhas... Uma jovem sonhadora que lia livros na margem do rio e ambicionava sair da aldeia... Uma velha permanentemente sentada diante da sua porta, assistida pelo espírito do seu falecido marido... Um estrangeiro com barras de ouro... Estes são os personagens e o cenário de uma história em que o estrangeiro, certamente o Demónio, segundo a velha, propõe à jovem, senhorita Prym, dar as barras de ouro à pequena comunidade... mas a contrapartida era assustadora.

Opinião:

Honestamente não gostei desta leitura, ou melhor dizendo releitura.
A velha história entre o bem e o mal do ser humano, não foi mais do mesmo. Recordo que quando li este livros a primeira vez foi no ano de 2000, adorei a leitura, mas passados 18 anos detestei a leitura.

Classificação de 1* no Goodreads.

Boas leituras!

terça-feira, 20 de março de 2018

Divulgação do livro "O andar invisível" do escritor Robson Machado da Chiado Editora


Sinopse:
"Todo mundo esconde segredos. Muita gente, além de esconder os próprios segredos, também precisa manter em sigilo algumas ações que pratica. Intrigas, negociatas, amores proibidos, traições... condenáveis práticas comuns que permeiam a vida em sociedade. Mas tudo o que as pessoas que se entregam a tais práticas não querem é que suas mazelas morais sejam reveladas. Foi exatamente para atender a esse propósito que foi criado “O andar invisível”. Um lugar destinado a manter em oculto ações censuráveis e que seus autores não desejam revelar. Se um segredo em hipótese alguma pode ser descoberto, somente um lugar é capaz de garantir esse sigilo: “O andar invisível”."

O Autor-Robson Machado-
"Robson Machado vive no Rio de Janeiro com a esposa e o filho. É jornalista, com relevantes  passagens por emissoras de rádio e TV. Depois de ter conquistado importantes prêmios no
cenário jornalístico nacional, entendeu que havia chegado a hora de realizar um sonho antigo:escrever um romance. Quando questionado sobre a escolha do estilo literário, Robson é enfático: “Como jornalista, jamais interferi no conteúdo informativo dos fatos que reportei. Os acontecimentos têm vida própria. Somente um romance, mesmo confundindo-se com a realidade, poderia me propiciar a sensação de ter ingerência sobre a história.”"

Este livro foi enviado pela Chiado Editora para eu ler e dar a minha sincera e honesta opinião. Desde já quero agradecer à editora pelo envio deste livro.

Chiado Editora a editora que está perto dos leitores.
Muito obrigada pelo envio do livro, vou ler o mais breve quanto possível, para dar a minha sincera e modesta opinião.
Boas leituras!

Divulgação do livro "Aurora - Laços de Sangue" da escritora Teresa Vieira da Chiado Editora


Aurora - Laços de Sangue

Autor: Teresa Vieira

Data de publicação: Dezembro de 2017

Número de páginas: 334

ISBN: 978-989-52-1622-2

Colecção: Viagens na Ficção

Género: Ficção


Sinopse:
"Quando aterrou na Ilha Terceira, Margarida estava longe de saber a aventura que seria a sua vida a partir dali. Conhecer Pedro foi uma experiência avassaladora onde a força da paixão ultrapassa todos os limites.
Um século antes também Maria Clara Meneses viveu uma história semelhante ao conhecer José experiencia essa, que quase destruiu a vida dos dois.
Duas histórias separadas no tempo, têm por base um acontecimento comum – a conceção de um novo ser ao nascer do dia, fruto de um amor incomensurável.
Duas crianças concebidas em mundos tão diferentes mas com algo em comum os laços de sangue e um nome – AURORA."

Autora - Teresa Vieira-
"Teresa Vieira nasceu em Leiria e desde muito cedo se dedicou à leitura de forma eclética e entusiasmada.
Formou-se como Educadora de Infância e é atualmente Mestre em Ciências da Educação
Com publicações na área da Literatura Infantil desenvolve a atividade docente mas sempre ligada à  mesma. Promove e dinamiza Sessões de contos nas escolas e em espaços públicos e ainda projetos na área do desenvolvimento precoce das literacias."

Este livro foi enviado pela Chiado Editora para eu ler e dar a minha sincera e honesta opinião. Desde já quero agradecer à editora pelo envio deste livro, dado que o queria ler faz algum tempo.
Chiado Editora a editora que está perto dos leitores.
Muito obrigada pelo envio do livro, vou ler ainda neste mês de março para dar a minha sincera e modesta opinião.
Boas leituras!

segunda-feira, 19 de março de 2018

Opinião - "Ela e Ele" do escritor Marc Levy



Ela e Ele
de Marc Levy 
ISBN: 9789722533850
Edição ou reimpressão: 
Páginas: 270
Editor: Bertrand Editora

Sinopse:
Um site de encontros juntou-os. Não se tornaram amantes, mas amigos… e gostavam de continuar assim! Ela é atriz. Ele é escritor. Ela chama-se Mia. Ele chama-se Paul. Ela é inglesa. Ele é americano. Ela tem muito sucesso. Ele não tanto. Ela é, na verdade, uma estrela. Ele, contudo, não o sabe. Ela sente-se só. Ele também. Ela não se pode apaixonar. Ele também não. No seu novo romance, onde reencontramos os protagonistas de E Se Fosse Verdade…, Marc Levy leva-nos pelos caminhos de uma história de amor tão imprevisível quanto irresistível.

Opinião:
Nunca tinha lido nenhum livro do escritor francês Marc Levy, apesar de já algumas pessoas me terem recomendado este escritor.
"Ela e Ele" é um romance bem estruturado tanto ao nível das personagens principais como das secundárias, como na descrição do enredo e da cidade onde se desenrola. Confesso que ao longo da leitura tive aquela sensação que eu adoro, parece que estou ao lado dos personagens, que as conheço e posso opinar sobre o que devem fazer ou não. Esta leitura deveria ter sido realizada após do livro "E se fosse verdade...", isto porque ao longo da leitura apercebi-me que as personagens, pelo menos três delas surgiram nesse livro.
Paul é um arquiteto que decide virar escritor, a  publicação do seu primeiro livro foi um enorme sucesso, mas Paul não está preparado para lidar com esse reconhecimento. Este facto leva o jovem escritor a sair do país natal e estabelecer-se em Paris, de forma anónima.
Por outro lado, temos Mia, uma jovem actriz bastante conhecida, mas cujo casamento não resultou. Para esquecer, ou tentar esquecer o seu desastre pessoal ela vai visitar uma amiga de infância em Paris. 
Tal como refere a sinopse Paul e Mia conhecem-se num site de encontros e agora têm de ler o livro...

Gostei muito e recomendo a sua leitura para quem procura um romance divertido e contemporâneo.

Classificação de 4**** no Goodreads

Boas leituras!

quinta-feira, 15 de março de 2018

Opinião - "O Alquimista" do escritor Paulo Coelho


Livro: O Alquimista
Autor: Paulo Coelho
Editora: Sextante
Páginas: 240 páginas
ISBN: 9788575427583

Sinopse:
"Quando você quer alguma coisa, todo o Universo conspira para que você realize seu desejo.De tempos em tempos, surge um livro capaz de mudar para sempre a vida de seus leitores. "O Alquimista" é um deles.
Com mais de 65 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, o mais famoso título de Paulo Coelho já se estabeleceu como um clássico moderno, atemporal e universal, que segue fascinando públicos cada vez maiores, de diferentes gerações.
Simples, sábia e inspiradora, esta história refaz os passos de um pastor da Andaluzia que viaja para o deserto egípcio em busca de um tesouro enterrado nas Pirâmides.
O que começa como uma jornada para encontrar bens materiais torna-se uma descoberta das riquezas que escondemos dentro de nós mesmos.
As belas lições que Santiago aprende ao longo do caminho nos falam da sabedoria de ouvir o que diz o coração, de ler os sinais com que deparamos ao longo da vida e, acima de tudo, da importância de seguir os nossos sonhos."

Minha opinião:

Confesso que estava a precisar ler um livro de Paulo Coelho e este encaixou na perfeição nesta fase da minha vida.
Já li muitos livros de Paulo Coelho, confesso que talvez por os ter lido quase de seguida talvez não tenha retirado a essência de alguns. Não me recordo se já tinha lido este, provavelmente já ;)
Mas eu adoro Paulo Coelho e se li este e não me recordo é porque talvez não o tenha lido no momento certo.

Esta é a história de Santiago, um jovem pastor que, após ter tido duas vezes o mesmo sonho, decidiu ir em busca da sua Lenda Pessoal. Santiago tem capacidades não conhece, contudo com a ajuda de um rei, de um vendedor de cristais e de um alquimista ele consegue perceber muito sobre a vida e a importância de conversar com o seu coração. Santiago também aprende que cada Homem tem a sua própria Lenda Pessoal, ou seja, o papel de cada ser tem de cumprir após o seu nascimento.

Este éum livro de fácil leitura mas que me fez reflectir sobre a nossa importância no mundo. Adorei a sua leitura;)

Excertos do livro:
"Quando vemos sempre as mesmas pessoas ... acabamos por considerar que elas fazem parte das nossas vidas. E como elas fazem parte das nossas vidas, passam também a querer modificar as nossas vidas. E se nós não formos como elas esperam, ficam chateadas. Porque todas as pessoas têm a noção exacta de como devemos viver a nossa vida. E nunca têm a noção de como devem viver as suas próprias vidas." pág.39,40

"Da incapacidade que as pessoas têm de escolher o seu destino." pág.41

"Porque o futuro pertence a Deus, e Ele só o revela em circunstâncias extraordinárias. E como consigo advinhar o futuro? Graças aos sinais do presente. No presente é que está o segredo; se prestares atenção ao presente, poderás melhorá-lo. E se melhorares o presente, o que acontecerá depois também será melhor. Esquece o futuro e vive cada dia da tua vida nos ensinamentos da Lei, e na confiança deque Deus cuida dos seus filhos. Cada dia traz em si a Eternidade.
O cameleiro  quis saber quais as circunstâncias excepcionais em que Deus permitia ver o futuro:
- Quando Ele mesmo o mostra. E Deus mostra o futuro raramente, e por uma única razão: é um futuro que foi escrito para ser mudado." pág. 160

"Só uma coisa torna um sonho impossível: o medo de fracassar." pág. 205

"Tudo o que acontece uma vez, pode nunca mais acontecer. Mas tudo o que acontece duas vezes, acontecerá certamente a terceira." pág. 222

Classificação de 4**** no Goodreads.

Boas leituras!

quarta-feira, 14 de março de 2018

Opinião - "O Fim da Inocência II" do escritor Francisco Salgueiro

"O Fim da Inocência II"
Edição ou reimpressão: 04-2013
ISBN: 9789897410529
Editor: Oficina do Livro
N.º de páginas:292 páginas

Sinopse:
"Com boas notas, e a estudar num dos melhores colégios de Lisboa, Gonçalo é o filho que todos os pais gostariam de ter. Desde cedo, ele e o grupo de amigos são bombardeados com imagens sexuais em filmes, séries, videoclips, anúncios e celebridades levando a uma erotização precoce. A ausência de educação sexual por parte dos pais e colégio leva-os a investigar o extenso mundo da pornografia na internet. Em simultâneo, a sua impreparação para lidarem com as redes sociais leva-os a serem participantes e vítimas na busca vertiginosa de likes para ultrapassarem a mítica marca dos 1000 amigos. Eles apenas pensam nos desafios e nunca nas consequências. As drogas legais, o sexting, a masturbação online com estranhos, serem paparazzi da vida uns dos outros e a prostituição com mulheres mais velhas fazem parte do seu estilo de vida, onde o futuro não existe, apenas o logo à noite. Depois do best-seller que abalou a sociedade portuguesa, Francisco Salgueiro regressa com uma nova história sobre os adolescentes portugueses do século 21."

Opinião:
Após ter lido "O Fim da Inocência I" não consegui ler de seguida o segundo livro, fiquei de certa forma muito abalada com a vida da juventude e das crianças de hoje em dia. Claro que não posso nem vou generalizar, mas a verdade é que acontece a uma grande percentagem de adolescentes.
Não consigo dizer que este livro foi melhor que o anterior, acho que são histórias distintas, apesar de baterem nos mesmos pontos, consumos de droga, alcool e práticas sexuais em grupo, sem preservativo.
Esta é a história do Gonçalo, a história de um adolescente do sexo masculino a outra era a história de uma adolescente feminina, os rituais são praticamente os mesmos, apesar de neste livro se mencionar mais o facebook e os perigos das redes sociais.
As duas histórias tocam no mesmo ponto a falta de atenção dos pais e dos educadores, e para mim  este é o ponto mais importante, este é o alerta e o ponto mais importante dos dois livros.
Ensinar os nossos filhos a viver com o que a sociedade de hoje oferece e acima de tudo não pensar que os perigos de hoje são os mesmo da nossa adolescencia, porque são muito diferentes e temos de educa-los a defenderem-se dos mesmos.

Classificação de 4**** no Goodreads

Boas leituras!

terça-feira, 13 de março de 2018

Viva a Biblioteca José Régio de Vila do Conde

Olá a todos os que vão ler este post,

Hoje fui visitar a biblioteca da minha cidade, Biblioteca José Régio de Vila do Conde, saí de lá com um enorme sorriso na cara ;)
Qual o meu espanto quando me deparo com uma biblioteca super organizada e com um atendimento muito personalizado. Estive a bisbilhotar algumas  das parteleiras, dado que lá existem muitas escolhas e muitas estantes para ver. Agora estou super feliz pois tenho um local onde posso levantar dois livros e tenho 15 dias para os ler e posso renovar via net a continuação dos livros por casa.

Depois de analisar os livros que consegui ver, pois são milhares e muitos deles bem recentes, decidi-me por requisitar um livro que apesar de já ter lido, não me recordo da história e que me foi recomendado por uma pessoa... "O Alquimista" de Paulo Coelho, este será uma releitura. O segundo livro que requesitei foi de um escritor que já me tinha sido recomendado por uma colega ... Marc Levy e intitula-se "Ela e Ele".

Após esta nova descoberta, sei que não vou comprar mais livros, pelo menos durante um bom tempo. Estive a ver e já sei quais vou levantar quando for entregar estes dois ;)

Boas leituras!

domingo, 11 de fevereiro de 2018

Desabafo muito pessoal

Olá a todos os que seguem este blog.
Este tem sido um ano muito complicado para mim, mesmo muito. Vou abrir aqui o meu coração, completamente. O meu companheiro faleceu, dia 13 de janeiro de 2018. Esta é uma data que nunca vou esquecer.
Têm sido dias muito complicados para mim e acredito que para todos que o conheciam.
Não tenho tido cabeça para nada mesmo nada. Acho que só quem passou por uma perda destas me compreende.
Este é um desabafo que senti necessidades em partilhar com os que me seguem.
Beijinhos a todos e sejam felizes.

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Divulgação "O Lado de cá do lado de lá" de Vicente Delmar

"O Lado de Cá do Lado de Lá"

Autor: Vicente Delmar
Data de publicação: Maio de 2017
Número de páginas: 362
ISBN: 978-989-774-531-7
Colecção: Bíos
Género: Biografia
Idioma: Pt

Sinopse:
«Um homem, um passado criminoso que nunca quis feito na rota da droga, a flexibilidade conveniente do sistema judicial e o subproduto humano produzido pela prisão. E a pergunta!
Como medir dentro de um homem a culpa, a maldade e o arrependimento?
“Porque há quem mate sorrindo e quem roube chorando”
Como o sentiu na pele, e isso lhe dá o direito, a personagem acusa a sociedade de apenas pensar a justiça, sem a sentir.
Ficcionado em dois mundos reais, empresta o autor à personagem conhecimento pessoal, sobre os dois lados dos muros prisionais.
No “Lado de Lá, o seu “fundo do poço” na queda desamparada da droga, entre o desenrolar de histórias, de crimes e homens, talvez maus talvez bons, Civic, a personagem, assumindo o seu crime, rejeita o peso da condenação. E do “Lado de Cá”, sente-se agora, pelo erro frio da desproporcionalidade, portador de crédito com a justiça, para a praticar:
“Tenho plena consciência de que muitos, são os cancros do mundo e o que vou fazer, não passa da eliminação de uma das inúmeras metástases, de um deles.”
Justiceiro, dir-se-á! Psicopata talvez. Tem no gato com quem divide casa, seu alter-ego,
Reconheço que a sensação de que ele me responde e contesta, colocando-me na mente frases e mesmo respostas, embora já não me incomode, roça sem dúvida a loucura. Ou não!?” 
e como alvo na sua justiça, a pessoa de um ex-político pedófilo. A sua missão!
“Missão a que a própria sociedade afere sentido, sempre que poupa os poderosos e faz dos fracos exemplo, sempre que aplica dois pesos, quando o poder alivia um deles e a silenciosa mafia das influências se faz sentir”»

O Autor:

Nascido numa cidade alentejana, com quatro anos o autor sobe a Lisboa, com os pais, ambos analfabetos, em busca de melhor vida e salvação para um casamento em desequilíbrio, que cai três anos mais tarde.
Vive a adolescência, num bairro multicultural da capital. Entalado entre a elitista Lapa, o nervoso Largo do Rato e a moderna Amoreiras; Campo de Ourique tem numa das suas fronteiras, demarcada pela rua Maria Pia, o Casal Ventoso como vizinho.
Na moldura do inicio dos anos oitenta, estudante no liceu Pedro Nunes, aprendia a Democracia a andar e em tempos de todas as novidades, boas e más, é no meio da classe media-alta e erudita que o autor conhece as drogas leves, e no meio da mais miserável, que conhece as outras.
Experiência dolorosa, marcante, que agora á distância de um quarto de século, que renovou gerações e manteve as realidades, se aquietou em paz e espirito, para, socialmente crítica, se exorcizar numa historia de ficção com gente de verdade."

Este é mais um livro enviado pela Chiado Editora que vou ler e depois deixarei aqui a minha singela e honesta opinião. Mais uma vez o meu agradecimento à Chiado Editora e ao autor pelo envio da obra.

Excelentes leituras!