segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Estrada para a vida literária...

Retirado daqui
   Encontrei-me novamente na estrada da vida literária, depois de ter andado um pouco perdida sem saber o que ler e sem me apetecer não ler nada, pensava que tinha de ir ao médico :).
   Encontrei esta pérola "Se eu ficar" de Gayle Forman ao qual me agarrei de unhas e dentes, é pequeno mas quero saborear muito bem pois tem sequência noutro livro.
   Por vezes culpo-me de ler tão devagar tendo tantos livros para ler, deveria ser mais rápida, e também me culpo de demorar tanto a escolher um livro para ler quando tenho uma biblioteca particular com cerca de de aproximadamente 1000 livros.
    Contudo eu adoro ler, mas lei-o à minha maneira, tenho que fazer o luto de um livro para o outro não consigo acabar um livro e ler logo outro de seguida, tenho que abandonar as personagens os amigos que fiz quando estava a ler o livro  e tornar-me pronta para ler e conhecer novos países, pessoas umas mais queridas que outras, enfim deixar que o livro entre em mim e eu tenha o coração aberto para o receber. Talvez isto não faça sentido para muitos bibliófilos mas para mim faz. Assim como não compreendo como existem pessoas que lêem 100 ou muito mais num ano custa-me que por mais depressa que leiam consigam estar em Agosto com 176, por exemplo, livros lidos, não entendo mas acredito que consigam cada um lê à sua velocidade e à sua maneira, tal como eu.
                            retirado daqui 
   Tenho andado a pensar nestas coisas de leituras de desafios de maratonas e definitivamente concluí que não faz o meu género, admiro quem entra numa maratona literária é muito puxado e complicado entrar numa e assumir que queremos ler tantas páginas, eu também participei numa no face e sabem o que me aconteceu bloqueei não li nada :(, enfim cada um tem uma postura perante a vida.

  Vou abandonar os meus desafios literários hoje não por saber que não os vou conseguir concretizar mas porque para mim e não quero ofender ninguém os desafios deixaram de fazer sentido.

Boas leituras.
        

4 comentários:

  1. Concordo totalmente. Também sou assim. O meu objetivo é ler 2 livros por mês, e já houve uma série de meses (ao longo destes anos) que não consegui sequer ler um. Não consigo terminar um livro e iniciar nesse mesmo dia outro. Preciso de tempo para me distanciar do livro anterior. Por isso, nem sequer ponho a hipótese de participar em maratonas.
    E também não compreendo como é que as pessoas conseguem ler os tais 170 livros em 8 meses. Acredito que consigam, mas não consigo imaginar. É que eu, para ler um livro em dois dias, tenho de passar quase o dia todo a ler e não fazer quase mais nada. Como é que se consegue trabalhar e viver o resto da vida e ler tanto? Não há dúvida que essas pessoas têm de ter um ritmo de leitura completamente diferente do meu. Fico feliz por elas, porque conseguem ler muitos mais livros que eu! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Finalmente alguém que me entende, para além dos livros existe uma vida que tem de ser vivida, disses-te muito com isto,mesmo muito.
      Boas leituras.
      P.S.Fui visitar o teu blog e deste-me uma ideia brilhante colocar o número de dias que demoras a ler um livro, vou roubar-te ;).

      Eliminar
  2. Olá
    Eu gosto/não gosto de desafio, eu explico:
    Gosto porque é um incentivo a ler mais, não gosto porque por norma não consigo atingir o objetivo e fico "frustrada".
    Gostava de ler mais, mas como a Carla disse e bem, cada um tem o seu ritmo de leitura. Em 2014 já consegui ler cerca de 50 livros e estou muito feliz, porque em 2013 li 35 livros.
    Gosto muuuuuuuuiiiiiiitttttoooooo de ler mas adoro a minha familia, adoro passear e tento não falhar em nenhum deles, mas sem duvida que o meu passatempo favorito é ler preferencialmente ao ar livre!
    Bjs

    ResponderEliminar