domingo, 22 de março de 2015

Minha opinião sobre "Provocadora" de Madeline Hunter

Provocadora
As flores mais raras - Livro II
de Madeline Hunter
Edição/reimpressão: 2013
Páginas: 336
Editor: Edições Asa
ISBN: 9789892325125
Preço:16,90 euros

Sinopse:
"Verity Thompson desapareceu no dia do seu casamento. O seu paradeiro manteve-se secreto durante dois anos. Um longo período em que o marido, o conde de Hawkeswell, viveu na penúria e na incerteza.
Verity deixou para trás uma fortuna imensa mas inacessível, pois o seu óbito não foi declarado. Nem poderia sê-lo pois ela está bem viva. Ao ser obrigada a casar, Verity fugiu de Londres e refugiou-se, incógnita, no campo. Sem qualquer interesse pelo título ou estatuto do marido, abdicou da sua fortuna em troca da liberdade. Mas o passado tem os seus próprios desígnios e a jovem vê-se agora obrigada a regressar à cidade e a um casamento sem amor.
Por seu lado, o arrogante Hawkeswell está disposto a chegar a um acordo: se Verity lhe conceder três beijos por dia, ele não a obrigará a cumprir os deveres conjugais. Mas, claro, há beijos e beijos… e Verity vai perceber até que ponto se arruinou ao entregar-se às mãos hábeis de um mestre."retirado do site wook

A sétima arte...

Minha Opinião:
A Série Flores Raras tem em comum o facto de existir uma casa "chefiada" pela prima de Audrianna (protagonista do livro I _ Deslumbrante), Daphne Joyes, que acolhe mulheres que de certa forma se encontram desamparadas pelas suas famílias ou fugidas de algo. Uma das regras nesta casa é não haver perguntas dos motivos que levam essas mulheres a irem para lá.
Daphne é a que "manda" lá na casa mas todas são responsáveis pelos belos jardins e estufas, que são vendidas na alta sociedade londrina. Na casa com ela estava Audrianna que casou com Sebastian, no primeiro livro_Deslumbrante_,neste livro no início está Celia e Lizzie.
Certo dia Sebastian chega mais cedo de uma viagem com o seu amigo, atormentado, Conde de Hawkeswell, que foi abandonado à dois anos pela sua esposa Verity, logo após o casamento, que nunca mais ninguém a viu. Verity desaparecida à dois anos estava quase a ser dada como morta, o que desta forma iria permitir ao conde ter acesso ao dote que lhe era devido.
Mas como estava a contar Sebastian chega mais cedo da sua viagem e vai buscar a sua esposa Audrianna à casa da prima, levando com ele o conde.
Claro está que é aqui que tudo começa o conde descobre a sua esposa Verity se esconde na casa de Daphne quando a encontra no jardim a remexer a terra, ela dava pelo nome falso de Lizzie. Verity fez de tudo para não ser descoberta, pois foi um casamento forçado para salvar uma família pobre que dependia do pai dela. Contudo o seu pai tendo falecido, todos os seus negócios de ferro passam para o detestável primo mais velho de Verity, Bertram. Um pessoa horrível,que montou uma grande mentira para que Verity casasse com o conde Hawkeswell e ele ficasse com mais de metade do poder da fábrica e da fortuna da família dela.
Verity é a protagonista feminina tal como Audrianna o foi no livro Deslumbrante, mas é uma protagonista mas forte no meu ponto de vista, consegue dobrar de uma forma peculiar o conde deixando-o quase sempre sem resposta, pelo menos sem um não,para lhe dizer. As cenas mais sensuais são muito mais intensas e mais adultas. As personagens estão muito bem trabalhadas e mais aprofundadas na sua descrição psicológica. Este livro é sem dúvida delicioso, não posso dizer que é melhor ou prior que o primeiro, Madeline Hunter segue a mesma linha mas estamos perante uma saga e vamos conhecendo melhor as personagens e exigindo mais delas e nisso a escritora cumpri-o na integra o seu papel, aliás como sempre.
Um livro a ser lido e a não perder.
Adorei e aconselho vivamente a leitura desta Série As Flores Mais Raras.
Boas leituras;)

2 comentários:

  1. Olá,
    Ainda não li nada da autora mas quero ler em breve "Deslumbrante" e continuar com a série.
    Vais ler os outros 2 livros?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Tânia
      Lê que acho que vais gostar, li os dois primeiros volumes da série e tenho os outros dois cá em casa e vou ler claro, adoro a série e a escritora. Mas tive que fazer uma pausa para não ficar saturada do estilo de leitura, variar um pouco. Se leio muitos livros seguidos do mesmo escritor fico farta, sou assim, não quer dizer que sejam maus, adorei estes livros então este último amei e aconselho vivamente;)
      Boas leituras e beijocas!

      Eliminar