quinta-feira, 16 de abril de 2015

Opinião sobre o livro "Alex Cross a Caça" do Escritor James Patterson

Alex Cross: A Caça
de James Patterson
Uma cidade mergulhada no caos. Um assassino de uma crueldade assombrosa. Só um homem será capaz de o travar.
Edição/reimpressão: 2013
Páginas: 384
Editor: TopSeller
ISBN: 9789898626219
Preço: 18,79 euros

Sinopse:

"O detetive Alex Cross é chamado ao local do pior crime a que alguma vez assistiu. Uma família inteira foi assassinada de forma brutal e impiedosa, e uma das vítimas era uma antiga paixão sua.

O mesmo tipo de crimes sucede-se, mantendo um padrão semelhante: a morte de famílias inteiras, cujos corpos são depois objeto de uma crueldade violenta. Alex Cross e a sua namorada atual, Brianna Stone, mergulham neste caso e enredam-se na teia do mortífero submundo de Washington DC. Aquilo que descobrem é tão chocante que mal conseguem compreendê-lo: os assassinos pertencem a um gangue altamente organizado, encabeçado por um diabólico senhor da guerra conhecido como Tigre. Quando o rasto deste temível assassino desemboca em África, Alex sabe que tem de segui-lo. Desprotegido e só, Alex é torturado e perseguido pelo gangue do Tigre.

Conseguirá Alex caçar o seu inimigo, ou será ele próprio a caça?"retirado do site wook

retirado da internet
Minha opinião:
Saber que vou ler um livro de James Patterson é para mim à partida ter a certeza que irei entrar num mundo que vou gostar de certeza. Quando esse mundo é o de Alex Cross então é ainda mais uma certeza absoluta de que me vou deleitar com uma leitura cheia de suspense e com tudo de bom que um policial pode trazer a uma leitora como eu.

Contudo, este livro foi muito mais além do que era por mim esperado, Patterson conseguiu superar todas as minhas expectativas...e de que maneira.

Num dia que parecia igual a qualquer outro, Alex Cross é chamado para ajudar na resolução de um crime horrendo que aterrorizou até os próprios especialistas da área. Ao entrar na mansão, Alex percebe o porquê de tanto alarido em redor do crime... Uma família inteira morta de forma fria e sem coração.
Este assassinato era mais para passar uma mensagem do que outra coisa qualquer. Mas qual é a mensagem que se pretende transmitir através da matança brutal de uma família? 
Contudo para agravar a situação pelo menos para Alex, a mulher da família, Ellie Randall era uma antiga namorada dos tempos da faculdade.


Mas os massacres continuam, e assassínios que não têm qualquer tipo de relação aparente começam a tomar forma...todos eles são feitos de forma fria e cruel.
Alex Cross decide após algumas pesquisas ir para a Nigéria e de lá parte para a Serra Leoa onde pensa estar o mandante do grupo de assassinos, conhecido por Tigre. Na Serra Leoa ele depara-se com um povo calado, que vive debaixo do medo, pessoas que não falam a jornalistas com medo de serem torturadas e mortas, não só elas mas as suas famílias. 

Ao longo da leitura deste livro dei por mim a pesquisar na internet no youtube sobre factos que são relatados no livro, não por desconhecimento total mas talvez por falta de interesse da minha parte. Então fui-me deparando com vídeos horrendos de um sofrimento atroes. Crianças muitos pequenas com armas a matar pessoas outras com catanas a mutilar.  Violações acontecem a quase toda a hora, violações que já sendo um acto atroes são feitas de uma forma desconcertante, partindo as pernas às mulheres e queimando-as com ferraduras para que elas não se esqueçam nunca, como se fosse possível esquecer. Assassinatos cruéis é algo a que aqueles habitantes estão habituados e a liberdade de expressão é algo desconhecido naquele país. A realidade que o autor descreveu, de uma forma fantástica através do personagem principal, foi algo de que gostei imenso neste livro, embora seja bastante perturbador e assustador. 


Um povo rico em diamantes e petróleo que podia ter tudo, vive em sofrimento devido à ganância do ser humano incluindo entidades governamentais e governos propriamente ditos.

Este é um livro que me prendeu não somente pela ação da história policial em si mesma, mas pelas descrições dramáticas de um povo de uma nação que vive em sofrimento. O escritor superou em tudo as minhas expectativas, conseguindo  escrever um policial brilhante como sempre mas desta vez aproveitou a meu ver para fazer um alerta para o que se passa na Serra Leoa.

A música que coloquei não foi escolhida ao acaso, é uma referência feita pelo protagonista no livro quando pensa no seu filho mais velho, que costuma ouvir a referida música, Cross questiona-se se o seu filho tem a verdadeira noção do que ela transmite e do seu real significado. 
Escolhi também um pequeno vídeo retirado do site youtube que demonstra o sofrimento do povo da Serra Leoa por causa dos diamantes, ou antes, por causa da ganância do homem. Aviso que o vídeo Diamantes de sangue pode ferir as pessoas mais sensíveis.

Obviamente como nota final este é um livro mais que recomendado e nada mais tenho a dizer, pois mais uma vez as emoções foram muitas...

Boas leituras.

Diamantes de Sangue (ESTE VÍDEO PODE CHOCAR OS MAIS SENSÍVEIS)


4 comentários:

  1. Olá,
    Já vi que gostas muito dos livros deste autor, aposto que já leste a maioria dos seus livros, certo?
    Não adquiri estes livros quando sairam agora com o Correio da Manhã, mas caso goste da série PRIVATE que foi a que comprei do autor, talvez venha a apostar nesta saga de Alex Cross.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá,
      Adoro James Patterson é o meu escritor de eleição, Private é um policial óptimo, só me falta ler o último que foi lançado em portugal. Mas ainda tenho outros cá por casa dele por ler.
      Beijinhos e Boas leituras.
      P.S. Espero que gostes da série Private para depois te lançares a Alex Cross.

      Eliminar
  2. Olá,
    Deste autor, ainda só li o primeiro livro da série Private e decidi não comprar a série Alex Cross para poder ler outros autores (infelizmente não sou rica) mas quero ler mais livros deste autor.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Tânia,
      Pois a série Private também é bastante boa, apesar de eu gostar muito da personagem Alex Cross. Sabes que certamente deves encontrar livros do James Patterson na biblioteca municipal, assim não precisas comprar. Pois infelizmente eu também não sou rica mas tenho muitas pessoas com quem troco livros já lidos e poupo todo o dinheirinho que posso para comprar livros em vez de comprar outras coisas, são opções de vida.
      Boas leituras e beijinhos.

      Eliminar