terça-feira, 24 de março de 2020

22 # Opinião | "Traz-me de volta" de B. A. Paris

Sinopse:
"Ela desapareceu. Ele seguiu a sua vida. Muitos segredos ficaram por revelar.
Finn e Layla são jovens, estão apaixonados e têm a vida toda para serem felizes. Ao regressarem de umas férias em França, já de noite, Finn para numa estação de serviço, deixando Layla sozinha dentro do carro . Minutos depois, ao dirigir-se de volta à viatura, descobre que a namorada desapareceu. E nunca mais a viu . Esta é a história que Finn conta à polícia. É a verdade - mas será toda a verdade?
Passaram-se doze anos. Finn construiu, entretanto, uma nova vida ao lado de Ellen, irmã de Layla. Um dia, alguém que ele conhece do passado telefona-lhe e diz-lhe que a viu. Mas será mesmo Layla - ou alguém a querer passar-se por ela? Se for Layla, o que quererá? E o que terá ela a dizer sobre a noite em que desapareceu? Um tour de force de suspense psicológico, este novo romance da autora bestseller B.A.Paris leva o leitor a questionar tudo e todos até ao clímax admirável."retirado da contracapa

Opinião:
Este foi o primeiro livro que li da escritora B.A.Paris. Apesar de ter conhecimento dos dois livros anteriores dela, "Ao Fechar a Porta" e "À Beira do Colapso".
O livro "Traz-me de Volta" fala sobre o Finn e a Layla, o enredo começa com o Finn a contar o que aconteceu no presente quando nos relata o que aconteceu no parque de estacionamento onde Layla desapareceu.
No presente Finn vive com Ellen, irmã mais velha de Layla,contudo ele continua agarrado ao seu passado com Layla, a mulher que ele amou logo à primeira vista. Para piorar toda esta mostalgia, começam a aparecer bonecas russa em vários sítios onde ele e Ellen vão. Mas estas bonecas russas fazem parte da história das irmãs, Ellen e Layla, o que torna tudo isto mais intrigante. Ellen fica perturbada e pensa que a sua irmã está viva, Finn relembra tudo o que aquela boneca significa, tanto para as irmãs como para ele.
Entretanto, Finn começa a receber e-mails de um endereço que não conhece, mas a pessoa que envia os e-mails parece conhecer muito bem o passado e presente de Finn.
Este livro é escrito de uma forma que eu gosto bastante, ou seja, capítulos curtos, intercalando, o passado e o presente, isto na primeira parte. Na segunda parte continuamos com capítulos curtos, intercalados entre a narração de Layla e o Finn. 

Confesso que no início o livro prendeu, depois começou, a meu ver, a ser mais do mesmo, no final da primeira parte voltou a prender-me e fiquei viciada até ao final. O final para mim foi algo que não estava a contar. Não vou dar três estrelas, pois prendeu-me o início da leitura, confesso que a leitura  tendo  pontos muito altos, no geral foi uma leitura que gostei muito. 

Classificação de 4**** no Goodreads.

Boas leituras!

#FicaEmCasa ❤

Sem comentários:

Publicar um comentário